Localização por radiofrequência a serviço da segurança do trabalho: análise em mina subterrânea

Autor(es): ALVES, Artur Silva
Resumo: A segurança na rotina de trabalho das minas é uma das maiores preocupações do setor, que constantemente se vê às voltas com acidentes de grande repercussão, muitas vezes fatais. Estatísticas oficiais apontam a mineração como quarta ocupação mais letal do país. No município de Itaituba, onde está instalada a mina subterrânea de ouro Palito, da empresa Serabi Gold, foram registradas duas mortes apenas na lavra de metais preciosos, sendo Itaituba o lugar mais perigoso do Brasil nesse tipo de atividade. Devido as características geológicas da disposição do ouro, a lavra costuma ser subterrânea, o que dificulta trabalhos de resgate em sinistros nas minas. Em face disso, o presente estudo testa e aplica a tecnologia RFID, para localizar, situar e direcionar pessoas via radiofrequência, com a finalidade de garantir segurança e preservar a integridade dos trabalhadores da mina Palito. Os testes experimentais de geolocalização de trabalhadores valendo-se da tecnologia para checar a viabilidade do processo mostraram que as etiquetas AcuTag UHF Titan Fastener e AcuTag UHF ShortDipole foram as mais bem avaliadas para o conjunto de simulações realizadas, sendo que a primeira obteve excelência em todas as simulações, desde a tag no capacete até colada ao braço. Esse resultado é importante porque denota a segurança conferida pelo referido aparato tecnológico, uma vez que, pela simulação em ambiente indoor, poderá ser possível aplicar tal método em ambiente similar, como em uma mina subterrânea, conseguindo atingir resultados de 100% de eficiência no que diz respeito à localização RFID do trabalhador num ambiente de risco. Em face desses resultados, é possível concluir que essa tecnologia se mostra eficiente e com aplicabilidade, sendo que sua implantação deve ser recomendada por meio de utilização em tags-pilotos nas minas, observando-se a tendência crescente de que os sistemas RFID sejam utilizados no controle e rastreabilidade de processos operacionais e na gestão de riscos, em benefício da segurança do trabalhador, especialmente em ambientes subterrâneos. Dadas essas considerações, ressalta-se que este trabalho é inédito, uma vez que não existe trabalho técnico e prático na literatura brasileira que verse sobre os benefícios da implementação da tecnologia RFID com olhar na segurança laboral de ambientes das mineradoras, especialmente em minas subterrâneas
Ano: 2017
Páginas: 54 f.
Ano de publicação: 2017
Orientação: Gustavo Pessin, Dr.
Link para o PDF: Clique aqui
Curso: Mestrado em Uso Sustentável de Recursos Naturais em Regiões Tropicais