Estudo da qualidade das águas superficiais e estimativa de background na área das minas de ferro da Serra Norte, Carajás

Autor(es): TEIXEIRA, Sanderson Silva
Resumo: O desenvolvimento deste estudo foi baseado na necessidade do entendimento da dinâmica e a disponibilidade dos elementos-traço, bem como suas concentrações em áreas consideradas naturais, sem interferência antrópica, por serem considerados fundamentais para a definição de padrões de qualidade da água e gestão dos recursos hídricos, nas áreas dos corpos minerais de N3 e N4WSul, localizados na província mineral de Carajás. Inicialmente foi realizada uma avaliação dos dados obtidos no monitoramento destas áreas, em relação à sazonalidade da região, padrões de qualidade das águas definidas nas legislações aplicáveis, assim como com a utilização do índice de qualidade da água – IQA. Em relação aos limites legais, foram identificadas não conformidades para os parâmetros pH, cobre dissolvido, manganês total, alumínio dissolvido, sulfeto, ferro dissolvido, chumbo total, cádmio total, zinco total, oxigênio dissolvido, níquel total, substâncias tensoativas, nitrato, fósforo total, cor verdadeira e selênio. Portanto, verifica-se que mesmo em áreas consideradas naturais sem interferência de atividades antrópicas, valores acima dos padrões normatizados podem ser identificados, levando em consideração as características intrínsecas destes ambientes. Na avaliação do IQA, os resultados obtidos enquadram entre “boa” e “ótima” a qualidade das águas superficiais da região, sendo estes resultados condizentes com os tipos de ambientes avaliados, considerados como áreas naturais, sem interferência antrópica, portanto adequados para estimativa de background. Para estimativa dos valores de background geoquímico, definido pela United States Environmental Protection Agency - EPA como Valor de Referência da Qualidade – VRQ, foi utilizado o software ProUCL, versão 5.0.00. O cálculo do VRQ baseou-se na medida estatística do limite superior simultâneo - LSS, o qual prevê que futuras observações, em qualquer número, pertençam à população representada pelo conjunto, com uma confiança estatística definida, neste caso, de 95% (LSS95). Os resultados de VRQ forneceram em muitos casos valores iguais ou superiores aos limites máximos estipulados pela legislação, fazendo com que muitos parâmetros não apresentem conformidade em relação aos padrões legais. A pesquisa realizada buscou a aplicação de uma metodologia apta definir as condições naturais do ambiente estudado em termos de background geoquímico, fundamentais para a definição de padrões de qualidade da água e gestão dos recursos hídricos. Conclui-se que é irrealista a atribuição de metas de enquadramento inferiores aos valores de background definidos.
Ano: 2016
Páginas: 128 f.
Ano de publicação: 2016
Orientação: Roberto Dall’Agnol, Dr.
Link para o PDF: Clique aqui
Curso: Mestrado em Uso Sustentável de Recursos Naturais em Regiões Tropicais