Desenvolvimento de marcadores microssatélites para Brasilianthus carajensis, uma espécie anual e endêmica das Cangas da Serra dos Carajás, Pará, Brasil

Autor(es): SILVA, Amanda Reis da; VIANA, Pedro Lage; RIBBI, Rodolfo Jaffé
Resumo: Embora a mineração seja uma atividade essencial, ela causa grandes modificações na paisagem natural afetando a fauna e flora locais. Na Serra dos Carajás é evidente o impacto na vegetação causado pela mineração, que é preocupante devido a presença de várias espécies endêmicas na região. Brasilianthus carajensis é uma das espécies endêmicas do local que tem o ciclo de vida anual e é facilmente encontrada ao redor das minas. Estabelecer estratégias para conservação da espécie considerando a variabilidade genética de suas populações é importante para criação de planos de conservação e manejo da espécie. Marcadores microssatélites são comumente usados em estudos deste tipo, pois permitem o monitoramento da diversidade e migração de alelos das populações. O trabalho teve como objetivo desenvolver marcadores microssatélites (SSR) para Brasilianthus carajensis que poderão subsidiar futuros projetos de monitoramento do fluxo gênico e diversidade das populações da espécie, verificando a influência das atividades de mineração nesses organismos. Foram coletados 438 amostras para extração de DNA, seguindo o protocolo CTAB 2% com posterior purificação. Os marcadores microssatélites foram identificados por meio de Sequenciamento de Nova Geração, utilizando a plataforma Illumina MiSeq, filtrados de acordo as diretrizes do programa QDD e testados para amplificação. O sequenciamento identificou 30.573 marcadores microssatélites, dos quais 31 foram selecionados para amplificação. No total, 23 marcadores foram polimórficos e mostraram boa amplificação, sendo um número elevado em comparação com outros trabalhos. Os resultados gerados auxiliarão o posterior desenvolvimento de estudos da variação e diversidade genética da espécie, que trarão informações sobre a influência da mineração nas populações da espécie.
Ano: 2017
Páginas: 40 f.
DOI: https://doi.org/10.29223/PROD.TEC.ITV.DS.2017.8.Silva
Link: http://pergamum.itvds.org:81/vinculos/00000d/00000d01.pdf
Ano de publicação: 2017
Link para o PDF: Clique aqui