A linha de pesquisa em instrumentação tem como principal objetivo especificar e desenvolver técnicas para a adequação de instrumentos de medição, indicação e registro de variáveis físicas críticas para a análise de processos e identificação de anomalias e que, no caso de sistemas automatizados, forneçam informações para programar estratégias de controle realimentado de forma a otimizar a produção mineradora. Entre as atividades de pesquisa abrangidas pela linha estão: desenvolvimento de hardware e software adequados às variáveis a serem medidas e às condições de operação dos processos de mineração a serem monitorados, incluindo ferramentas para análise e rastreamento do processo de concentração de minério de ferro; análise online das propriedades físicas e químicas (teor de sólidos, distribuição de tamanho de partículas, composição mineralógica e química) da alimentação da usina; técnicas de processamento de imagem aplicadas ao processo de flotação; integração de diferentes sensores e instrumentos de medição, utilizando métodos estatísticos para fusão de dados (filtros de Kalman e de Partículas); técnicas de aquisição, filtragem e processamento de medições.